<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d7043313\x26blogName\x3dSociologia\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://sociologos.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://sociologos.blogspot.com/\x26vt\x3d2985612518033734767', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

Mitos e Utopias da Cultura Portuguesa

segunda-feira, abril 24, 2006
CURSO LIVRE - MITOS E UTOPIAS DA CULTURA PORTUGUESA

Organização: Centro de Estudos de Culturas Lusófonas em parceria com o Centro de Literaturas de Expressão Portuguesa da Universidade de Lisboa, com o apoio do Sindicato de Professores da Grande Lisboa
Direcção: Prof. Doutor António Moniz
Docente: Prof. Doutor António Moniz, Doutora Annabela Rita e Doutor José Eduardo Franco

Data de realização: 02 de Maio de 2006 a 27 de Junho de 2006
Horário: 17h30m às 20h00m – 4ª feira
Propinas: Público em geral – 100€;
Estudantes FCSH – 40€;
Sócios do SPGL – 75€

Mais informações em: ceclu@fcsh.unl.pt

semana sem televisão



Semana sem televisão assinala-se de 24 a 30 de Abril
Durante a próxima semana a associação norte-americana TV Turnoff Network convida todas as pessoas do mundo a viver de uma forma diferente, sem ver televisão. De 24 a 30 de Abril, o organismo tenta, pela décima segunda vez, organizar um movimento de abstinência televisiva.
Com esta iniciativa, a TV Turnoff e as mais de 70 organizações que a apoiam pretendem combater a teledependência, levando os espectadores a reflectir sobre o ascendente da caixa no seu quotidiano.
Fundada em 1994 nos EUA, a organização tenta espicaçar os espectadores e despertar consciências para os malefícios da televisão. A lista é grande e grave: obesidade, o insucesso escolar e o pouco tempo passado em família.
----------
televisao.jpg

Portugueses viram 3h36m diárias de televisão no 1º trimestre
Os portugueses viram, em média, 3 horas e 36 minutos por dia de televisão nos três primeiros meses deste ano, revelam os dados da Marktest Audimetria/MediaMonitor.
Estes dados traduzem um decréscimo de dois minutos diários face a igual período em 2005.
Os residentes no Grande Porto são os maiores consumidores televisivos, com valores 5,4% acima da média nacional.
Em termos sociais, os indivíduos da classe baixa lideram o consumo da caixa mágica, cifrando-se este 24,4% acima da média.

Lisboetas - cinema em debate

b_000490.jpg

Sinopse
Lisboetas é um documentário político sobre a vaga de imigração que nos últimos anos mudou Portugal.
Lisboetas é o retrato de um momento único em que o país e a cidade entraram num processo de transformação irreversível.
Lisboetas é um filme que rejeita o habitual tratamento jornalístico e aborda a experiência humana dos imigrantes da grande Lisboa de um ponto de vista cinematográfico.
Lisboetas é uma janela secreta sobre novas realidades: modos de vida, mercado de trabalho, direitos, cultos religiosos, identidades. É uma viagem a uma cidade desconhecida, a lugares onde nunca fomos e que estão aqui.
Lisboetas é um retrato por dentro. A palavra é dada aos recém chegados. Talvez por isso, como escreveu a crítica do “Público” Kathleen Gomes, “os estrangeiros aqui somos nós”.
Lisboetas não é um filme dogmático, mas é um filme incómodo e que deixa muitas questões em aberto - por que é difícil avaliar o quanto tudo mudou e ainda pode mudar.



Sessões Seguidas de Debate no cinema NIMAS, em Lisboa

DOMINGO 23 ABRIL (final da sessão das 17H00)
INÊS PEDROSA - Escritora
MANUEL VILLAVERDE CABRAL – Cientista Social
TIMÓTEO MACEDO – Associação Solidariedade Imigrante
SÉRGIO TRÉFAUT - Realizador

SEXTA-FEIRA 28 ABRIL (final da sessão das 19H00)
MARIA JOSÉ NOGUEIRA PINTO – Vereadora da C. M. Lisboa
DIANA ANDRINGA - Jornalista
BERNARDO SOUSA – Alto Comissário Adjunto para a Imigração e Minorias Étnicas (ACIME)
SÉRGIO TRÉFAUT - Realizador

Qualidade à Criança e ao Jovem: a redução dos riscos

Qualidade à Criança e ao Jovem: a redução dos riscos

Realiza-se nos dias 27 e 28 de Abril de 2006, o Encontro “Qualidade à Criança e ao Jovem: a redução dos riscos” no Centro Cultural Gonçalves Sapinho, em Benedita.
Com a promoção deste Encontro, a Comissão Organizadora pretende dinamizar um fórum de discussão orientado para os seguintes objectivos:
- Sistematizar a troca de experiências nos domínios da educação-formação formal e não-formal de crianças e jovens;
- Reflectir sobre as oportunidades e constrangimentos dos modos educação/formação, socialização;
- Discutir as modalidades de trabalho em rede dos agentes de educação-formação e as formas que possibilitem a intervenção prospectiva.

Desafios à Economia Social - Políticas e Práticas

Desafios à Economia Social - Políticas e Práticas

27 de Abril de 2006 - 14h00

Local de realização: Universidade do Minho ( Auditório Edifício Engenharia II. Junto novo edifício ICS )
Campus Gualtar - Braga
Organização/Inscrições: APSIOT: Telf/Fax: 218687941; E-Mail: apsiot@mail.telepac.pt
Rua de Xabregas, nº 20-3º Sala 14, 1900-440 Lisboa
Outros Contactos da Organização:
Departamento de Sociologia e Instituto de Sociologia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto
Cristina Parente: 226077190; cparente@letras.up.pt
Núcleo de Estudos em Sociologia – Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho
Campus de Gualtar, 4710-057 BRAGA; Telf. 253 604 212; Fax: 253 678 850
Ana Paula Marques: 253604212 / 253604218,
amarques@ics.uminho.pt ; sofiaoliveira@ics.uminho.pt